30 julho 2013

"O banco de dados do Viber não foi hackeado", diz responsáveis pelo aplicativo


Foi relatado aqui no blog há algum tempo atrás que o banco de dados do Viber teria sido atacado por um grupo de hackers da Síria, conforme publicado também em uma matéria do The Hack News. Porém, segundo os responsáveis pelo Viber, tudo não passou de um ataque phishing.

Confira a declaração oficial publicada no TechCrunch, com tradução do FaixaMobi:

"Hoje [23 de Julho] o Suporte do Viber foi tirado do ar após um funcionário nosso ter sido vítima de um ataque phishing através de email. Esse ataque permitiu acesso a dois sistemas minoritários: Um painel de suporte aos usuários e um sistema de administração do suporte. Informações de ambos os sistemas chegaram a ser postadas em nossa página de suporte.

É importante enfatizar que nenhum dado sensível dos nossos usuários foi exposto, e que o banco de dados do Viber não foi hackeado. Informações sensíveis e dados dos usuários são armazenadas em um servidor seguro e não podem ser acessadas através deste tipo ataque, uma vez que não fazem parte do nosso sistema de Suporte.

Entendemos que esse incidente foi muito sério e estamos trabalhando para colocar a página de suporte no ar novamente. Além disso, queremos assegurar que estamos revendo todas as nossas políticas para garantir que algo parecido não aconteça novamente."

Conforme dito acima na declaração, os responsável pelo Viber assumem que dados de usuários são armazenadas em um servidor. Resta nos saber, quais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao comentar, você declara estar ciente da nossa Política de Comentários.